Reconhecimentos

" A VELHA GUARDA DA 1002"

A conduta de um profissional pode ser medida de acordo com os comportamentos apresentados de forma individual, ou na coletividade, e é uma das maiores preocupações das empresas de transporte de passageiros, atualmente.

Por isso a 1002 reconhece o trabalho de seus colaboradores com maior tempo de atividade na empresa, que apresentam no seu dia a dia esse comportamento exemplar.

Nesta série intitulada carinhosamente de "a velha guarda da 1002" iremos adicionar periodicamente os funcionários mais antigos em atividade na empresa.

Aos que já nos deixaram fica o registro de nossas recordações mais marcantes, quem não se lembra do Seu Cícero do trafego, de São Paulo da manutenção, de Noemi das contas, dos motoristas Seu Terto, Seu Araquem e mais antigo ainda, lá no comecinho da 1002, Seu Euclides.

Começamos com um motorista muito querido dos usuários:

Motorista Amaro Nascimento, em atividade desde 1987.

O motorista deve ser capacitado para saber se portar diante de situações que exijam dele a confiança necessária que a empresa precisa.

Assim, reconhecemos o trabalho do Sr. Nascimento, 31 anos de confiança recíproca, trabalhando e atendendo a LINHA DE SÃO VICENTE FERRER.

Em seu depoimento ele deixa claro a sua disponibilidade em ajudar a 1002 no que for necessários e dentro de suas possibilidades e agradece a direção por tê-lo "aturado" por tanto tempo. Nós que fazemos a família 1002 é que temos que agradecer pela sua dedicação seu Nascimento.

Motorista Antônio José de Souza, em atividade desde os anos 80.

 

O comportamento do motorista do transporte coletivo de passageiros é imprescindível para uma operação eficiente. Ser responsável e pontual é uma característica valiosa neste profissional.O Motorista Souza merece nosso reconhecimento por apresentar todas estas características.Iniciou suas atividades a mais de 30 anos na empresa, como cobrador e foi alcançando outras posições como despachante nos postos e na rodoviária de Limoeiro, passou 12 anos no trafego e por fim motorista.

Gosta do que faz e em seu depoimento agradece as oportunidades que lhes foram dadas pela direção da 1002.

Motorista Cosme Batista de Lima, em atividade desde 1986

 

Motorista de ônibus é uma profissão cheia de responsabilidade e histórias para contar.

O serviço é marcado por estresse, por momentos difíceis, entretanto o Motorista Cosme sempre com simpatia, cumpri sua jornada de trabalho com dedicação, por todos esses longos 31 anos de atividade na empresa.

Os usuários da linha de Timbaúba tem o privilégio de tê-lo como motorista.

A 1002 agradece imensamente a todos como você, Cosme, que dedicam sua vida a uma profissão com tanta responsabilidade.

Motorista José Antônio da Silva, em atividade a 33 anos

Comecei a trabalhar no engenho dirigindo trator então resolvi tirar minha habilitação e me profissionalizar como motorista. Meu objetivo era a 1002, pois eu moro em Timbauba e queria trabalhar fazendo essa linha, hoje já estou aqui há 33 anos e muito satisfeito com o meu trabalho.Todos na 1002 me conhece como José Antônio , gosto do que faço, penso sempre no passageiro e meu ônibus sempre vai e vem cheio, paro em todas as paradas e quem quiser subir as portas estão abertas, eles dizem esse motorista anda com cuidado, a gente chega bem, agora tem outros que reclamam é difícil agradar a todos, é preciso ter cabeça fria, levar as coisas em banho Maria para ser motorista.


Motorista Adalto José de Moraes, em atividade a 31 anos


Comecei minha vida profissional como cobrador de ônibus na empresa Oliveira Paulista, foi quando tive oportunidade de aprender a dirigir para ter uma profissão, me tornei Motorista. Foi em 1982 que comecei na 1002 fazendo a linha Limoeiro/ Recife e outras também do quadro reserva, eu não escolhia trabalh
o, para mim  o importante era trabalhar.A Expresso 1002 sempre foi muito boa para mim, faço o meu trabalho satisfeito porque é ela que me deu oportunidade de construí minha família, criar meus filhos e levo o sustento para dentro da minha casa.Há muito anos estou rodando em fretamento é um privilégio e gosto muito acaba agente criando uma amizade pelos passageiros e eles por nos.


Maria do Carmo C Carvalho – Auxiliar Contábil desde 1982



Cheguei na 1002 em 1982 para trabalhar na área contábil, pois é a área que me identifico com números, onde tenho a oportunidade de trabalhar diretamente há 36 anos com a mesma diretora. Admiro os dirigentes dessa empresa pelo comprometimento, honestidade e solidez todos esse anos.

Minha motivação para trabalhar é por que sinto na  1002 uma grande família, como também os funcionários são respeitadores e  todos  já se acostumaram com o meu jeito de ser, mais tímida e reservada.  Já estou aposentada, mais sei que posso ainda contribuir profissionalmente, como também ir trabalhar me faz um grande bem.

 

Jose Pereira Filho – Motorista DEDA 31 anos de atividade na 1002

Sempre quis ser Motorista, e adoro o que faço, não sei fazer outra coisa, para ser feliz é importante fazer o que agente gosta. Sou nascido em Surubim, mas fui morar em São Paulo bem novo.Quando voltei a Pernambuco vim trabalhar na  1002. Há 11 anos faço a linha de Recife/ Taquaritinga, os passageiros já estão acostumados em viajar comigo, nem sente os quebra molas, porque tenho muito cuidado.Já faz tanto tempo que estou nesta linha que muitos passageiros já chegam perguntando, é seu Deda que vai levar.Outra paixão que tenho é pelo carro que dirijo e conduzo os passageiros, se eu pudesse quando saísse da 1002 levaria esse carro. Ele é semi-expresso mais é todo organizado, meu carro não quebra, o conservo. Como gosto desse carro.......

 

José Rosa dos Santos – Motorista Manobreiro a 30 anos na 1002

 

Comecei na 1002 como Zelador tinha 20 anos, foi meu primeiro emprego de carteira assinada, eu tive oportunidade de crescer porque depois passei para abastecedor e hoje trabalho como Motorista Manobreiro, gosto muito do meu serviço, sou muito alegre e disposto, falo com todo mundo que vejo, é o meu jeito, só me sinto bem quando estou trabalhando trazendo um carro, ai vou pego outro e assim é o meu dia. Os donos são ótimos e agradeço a Deus por está aqui nesta empresa há 30 anos.

 

Raimundo Pereira Duarte – 36 anos de 1002 –  Cobrador

 

Quando entrei na 1002 tinha 22 anos de idade, nasci em Buenos Aires e depois fui morar em Timbaúba, foi quando surgiu a vontade de trabalhar na 1002 empresa séria já naquele tempo, ai fui fazer a linha Recife/Taquaritinga do Norte,  onde passei um bom tempo, depois fui transferido para trabalhar nas  agencias das rodoviárias primeiro em Timbaúba e depois no TIP. Gosto do meu trabalho e faço com  dedicação, sou um pouco calado mas é o meu jeito. Um fato importante para mim é que conheci minha esposa através do trabalho na 1002.

 

Abraão Francisco Gomes de Araújo – 38 anos de1002 - função Cobrador

Em 1980 para entrar na 1002 tinha que se apresentado por um funcionário na ocasião falei com seu Manezinho, gerente da Garagem de Timbaúba, ele me deu essa chance, foi quando comecei a trabalhar de carteira assinada rodando nas linhas de  Recife/Timbaúba e tomei gosto pela profissão, depois passei para trabalhar nos postos e agencia sempre lhe dando diretamente com o ser humano, agente precisa entender os passageiros e ajudar no que for possível, as vezes um diz alguma coisa que agente não gosta, ai tem que deixar entrar no ouvido e sair no outro. Faço o meu serviço certo, direito e cumpro minhas obrigações como trabalhador, sei o que é certo e o que é errado. Fiz minha família trabalhando na 1002, criei 4 filhas, todas casadas e hoje já tenho 3 netos.